<% select case Request.QueryString("abre") case 1 abre1 = "menuColapAtivo" case 2 abre2 = "menuColapAtivo" case 3 abre3 = "menuColapAtivo" case 4 abre4 = "menuColapAtivo" case 5 abre5 = "menuColapAtivo" end select %> Newsletter - Siqueira Campos Associados
Siqueira Campos Associados
Informativo Bimestral da
Siqueira Campos Associados

junho de 2014 - ano VIII - Número 22
Nesta edição
- Siqueira Campos valida Escala de Alienação Parental
- Novo cliente: Castrolanda
- Gráficos e análise de dados - Gráfico de árvore
- Definindo Metas - Gerenciamento e Seis Sigma
- Padronização e Gestão Visual - Protocolo de Manchester - Classificação de Risco em Emergências
 
Efetuar Download

Catálogo de Treinamentos 2014

Treinando a sua equipe para aumentar a competitividade da sua empresa.
Efetuar Download
 

Voz do Cliente

 

citaO que mais gostei foi a forma como é conduzido o curso, exemplos e o conhecimento amplo do instrutor.

Mickael Ribeiro Martins
Formação de Green Belt
Grupo Gerdau - São Paulo / SP

 

citaO que mais gostei foi da clareza na transmissão do instrutor passar a informação e as dinâmicas.

Ricardo Luiz Ferreira da Silva
Lean para Manufatura
Corning Telecom - Rio de Janeiro / RJ

 

citaO instrutor mostrou em todo instante domínio pelo assunto, não deixando nenhuma dúvida para os treinandos.

Thiago dos Reis Nascimento
CEP básico
Ford - Camaçari / BA

 

citaO consumidor não está disposto a pagar o preço do desperdício.

W. Edwards Deming

Siqueira Campos valida Escala de Alienação Parental
Um dos fatores principais para lidarmos com a Alienação Parental é identificarmos a sua ocorrência, de preferência o mais cedo possível, para mudarmos os seus contextos. Em razão dessa necessidade foi desenvolvida pelo Instituto de Psicologia Prof. Jorge Trindade uma ferramenta capaz de identificar a existência, ou não, de comportamentos indicadores de Alienação Parental, e também medir a sua intensidade. Esta ferramenta é a Escala de Indicadores Legais de Alienação Parental na qual a Siqueira Campos utilizou um moderno ferramental estatístico para validar a escala, utilizando técnicas como: Alfa de Cronbach, Regressão Logística e Curva ROC (Receiver Operating Characteristic).

Esta escala foi tema do III Congresso Nacional e I Congresso Internacional de Alienação Parental, ocorrido nos dias 3, 4 e 5 de abril deste ano no Rio de Janeiro.

A Castrolanda é o mais novo cliente da unidade de pesquisa. Com mais de 60 anos, é uma das mais importantes cooperativas da área agroindustrial do país, sediada em Castro no Paraná. A estrutura funcional conta com 1.100 colaboradores e 782 cooperados, possuindo receitas superiores a R$ 1,5 bilhão. A Siqueira Campos é responsável pela realização de diferentes pesquisas para a cooperativa.

Gráficos e análise de dados - Gráfico de árvore

Os gráficos exercem um papel fundamental no auxílio a tomada de decisão, dia a dia novos gráficos são incorporados ao mundo da gestão, facilitando a visualização dos dados. O gráfico de árvore é um método recente, anos 90, para visualização de dados hierárquicos, tipo pai e filho, pelo uso de retângulos aninhados. É uma ferramenta muito poderosa de representação gráfica, utilizada para propósito analítico e de comunicação.

PIB per capita dos Estados Brasileiros

Fig. 1 Gráfico de árvore PIB per capita por Estado. Fonte IBGE contas regionais Brasil 2011

Definindo Metas - Gerenciamento e Seis Sigma

A diferença entre o fracasso e o sucesso está em fazer uma coisa quase certa ou fazê-la precisamente correta.
- Edward Simmons (1852-1931)

Um dos pontos mais importantes na função gerencial é a definição de indicadores e metas. As metas são muito relevantes, caso contrário não há base lógica para escolher o que medir, que decisões tomar, ou qual a ação a tomar.

Padronização e Gestão Visual - Protocolo de Manchester - Classificação de Risco em Emergências

Você já passou pela necessidade de precisar tomar uma decisão imediata? Sabe no que basear sua decisão?

Os profissionais de saúde que atuam nas emergências dos hospitais mundo afora se deparam sistematicamente com este dilema: quem atender primeiro, qual paciente corre maior risco de morte?

Se pensarmos que as emergências dos hospitais cada vez recebem mais pacientes para atendimento, como gerenciar esta situação que em alguns momentos parece um caos? Para organizar os atendimentos sem perder vidas, em 1995, os hospitais da cidade de Manchester, na Inglaterra, criaram um sistema de padronização baseado em critérios que avaliam os sinais do paciente para a priorização dos atendimentos, que posteriormente virou um padrão no Reino Unido. Esta padronização gerou uma escala de cores que identifica a classificação do risco do paciente para a definição do atendimento.

 
Fale com a gente
A Siqueira Campos agradece seus comentários, sugestões e questionamentos sobre esta edição.
Enviar mensagem

Veja nossa Fan Page no Facebook Siga-nos no Twitter Visite nosso perfil no LinkedIn
© 2013 Siqueira Campos Associados - info@siqueiracampos.com - www.siqueiracampos.com - Fone: 0800 7030603